segunda-feira, 4 de abril de 2022

Prefeitura formaliza convênio para repasse de verba e garante retorno da Filarmônica Monsenhor Honório




A classe artística e cultural de Macau comemora a publicação da Lei Ordinária Nº 1.347/2022, de 1º de abril, que dispõe sobre a autorização para formalização de convênio do município com a Fundação Municipal de Cultura, para fins de repasse de verba destinada à promoção de atividades culturais. A lei garante, por exemplo, o retorno das atividades da Filarmônica Monsenhor Honório.

Estão assegurados, na forma da lei, o pagamento dos bolsistas da filarmônica, a manutenção da Escola de Artes e verbas para custear atrações culturais na Feira do Sal, além da manutenção e aquisição de instrumentos para a filarmônica, entre outros custos relacionados ao segmento cultural. 

O investimento mensal da Prefeitura de Macau será pouco superior a R$ 50 mil e os recursos são oriundos do orçamento da Secretaria Municipal de Educação e Cultura. “Passado o pico da pandemia da Covid-19, agora vamos investir no resgate e na consolidação da cena cultural de Macau”, declarou o Prefeito José Antônio de Menezes.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário